5/07/2007

QUE PICCHI GRANDE!!!

Olá!!!

Olhem, eu já passei nos blogs de alguns amigos do Frank pra falar sobre as ‘novidades’ lá no Gringo-lindo. Mas mais do que eu vi por lá, eu realmente não sei.
Bom, vamos ao tema de hoje, né?
Pra quem não viu, em Dezembro do ano passado eu fiz um post aqui sobre o ator, músico e escritor Thiago Picchi, que tava interpretando um personagem gay na novela Páginas da Vida. E que, além disso, é um gatinho, né? E hoje a gente vai ver que a beleza dele é uma questão de DNA. Vamos dar uma olhada no pai dele: o ator Marcello Picchi.

José Dionísio Marcelo Salles Picchi nasceu em São Carlos, cidade do interior de São Paulo, em 08 de Agosto de 1948. E ele era o mais velho de 3 irmãos, numa família de antepassados italianos.
Nos anos 50, São Carlos ainda era uma cidade muito... caipira, pra dizer a verdade. Assim, a infância e adolescência do José foram bem ligadas ao campo e à agricultura.
Com 18 anos, ele entrou pro Exército Brasileiro. Mas nessa época, o José pensava em ser músico. E isso fez ele se interessar em tocar numa banda com outros soldados.
Depois de algumas apresentações, o José foi se apresentar no Teatro Municipal, onde ele teve a oportunidade de assistir a peça que tava em cartaz, estrelada pelo Tarcísio Meira. Até essa época, o José nunca tinha tido nenhum contato com teatro e nem mesmo assistido nenhuma apresentação teatral. Mas logo de cara ele já se interessou muito.
No dia seguinte, o José procurou pelo grupo de teatro amador da cidade, que aceitou ele logo de cara. E assim que deixou o Exército, ele rodou o Brasil todo por 3 anos com esse grupo, se apresentando nas mais diferentes cidades. E ao longo dessas viagens e apresentações, o José também conheceu mais da metade dos atores famosos da época.
A estréia como ator profissional foi só quando ele tinha 21 anos, em São Paulo, adotando o nome artístico simplificado de Marcelo Picchi (depois ele mudaria a grafia pra Marcello Picci e, mais tarde, pra Marcello Picchi). A peça era Pena Ela Ser O Que É, do John Ford. E tinha uma cena de nudez total do personagem dele. Foi a 1ª vez que o Marcello ficou pelado em público. E olhem só: logo depois, veio a peça Alzira Power, do Antônio Abujamra, que tinha outro personagem (o do Marcello, é claro) que tinha uma cena de nudez total. Mas dessa vez ele fazia um monólogo pelado. Só ele em cena! E foi a 1ª vez na História do Teatro Brasileiro que um homem ficava nu em cena sozinho. E a reação da platéia era a mais variada possível: ia da simpatia total de algumas pessoas pela cena até antipatia total de outras.
A censura principalmente é que não gostou muito da idéia. E em algumas cidades onde essa peça se apresentou, o Marcello foi obrigado a usar cueca pra fazer a cena.
A estréia dele no cinema foi com o filme Noites de Iemanjá, de 1971.
No ano seguinte, veio a estréia na televisão, com a novela Camomila e Bem-Me-Quer, na extinta TV Tupi.
Em 1975, o Marcello foi pra Globo, pra participar da novela Bravo.
Ele assume tranquilamente que só foi fazer televisão pelo dinheiro, já que o retorno financeiro da televisão era bem maior que o do teatro. E ele precisava pagar as contas no fim do mês, né? Mas, se dependesse dele, ficava só com o teatro (na verdade, até hoje, ele é muito mais um ator de teatro do que de televisão e cinema).
De qualquer forma, depois disso, o Marcello participou de várias novelas globais dos anos 70 e 80.
Ele fez também vários comerciais e propagandas com essa mesma intenção.
Como era uma dos maiores galãs e símbolos sexuais brasileiros das décadas de 70 e 80, o Marcello tinha que viver em 1º lugar da imagem, tendo que aparecer em público sempre muito bonito. E pra isso, ele procurava manter a forma o máximo possível, praticando balé e capoeira. Mas isso também provocava uma tensão psicológica extrema, que levava ele a fumar sem parar... Ele não chegou a ter nenhum problema sério com drogas ilícitas. Mas com cigarro, o negócio chegou a ser brabo algumas vezes!
Em 1986, o Marcello estreou na extinta TV Manchete, com a novela Dona Beija. E em 1989, ele teve na Bandeirantes, na novela Colônia Cecília.
Além dos incontáveis trabalhos no teatro, ele teve até hoje 39 trabalhos como ator no cinema e televisão.
Ao longo da carreira, o Marcello chegou a interpretar vários personagens gays tanto no teatro quanto na televisão. Mas o mais conhecido talvez seja o Zé Maria, da novela Mico Preto (1990), que era namorado do personagem do Miguel Falabella.Em Junho do ano 2000, quando tava pra fazer 52 anos, o Marcello posou nu pra G Magazine... Aliás, tenho que dizer que foi a realização de uma fantasia sexual minha: eu sempre quis ver ele pelado!rs


Bom, na vida pessoal, o Marcello foi casado por 12 anos com a Elizabeth Savalla, com quem teve 4 filhos: o Thiago, em 1976; o Diogo (o futuro ator e apresentador Diogo Picchi), em 1977; e os gêmeos Cyro e Tadeu, em 1980 (que não seguiram a carreira dos pais).
Quando se divorciou da Elizabeth, o Marcello ficou morando sozinho, já que os 4 filhos ficaram, na época, com a mãe. E foi aí que ele se dedicou mais do que nunca ao teatro. Inclusive, quando o Thiago foi morar com ele, com 15 anos, uma das coisas que chamaram a atenção dele foi a quantidade de livros sobre teatro que o pai tinha em casa. E esse foi um dos pontos que mais influenciaram o Thiago a seguir a carreira de ator.
Depois do divórcio, o Marcello nunca mais voltou a se casar e nem mesmo a ter namoros muito duradouros. E de vez em quando se ouvia uma fofoquinha ou outra sobre ele ser bissexual. Mas, como eu disse, isso parecem mais fofoquinhas, né?
Pra manter a forma, ele diz que só malha até o ponto que acha que deve e evita comer sal e frituras. E a gente pode ver, pelas fotos acima, que funciona, né?rs
No final de 1998, o Marcello entrou em contato com o Budismo, religião à qual acabou se convertendo.

Well, if you haven’t seen, last December we had here a post about the Brazilian actor, musician, and writer Thiago Picchi. And today we’ll talk about his father, Marcello Picchi.
José Dionísio Marcelo Salles Picchi (his birth name) was born in São Carlos, a small town in São Paulo, on August 8th, in 1948.
He’s the oldest of 3 siblings in an Italian family.
His childhood and teenage were the same of any boy who lived in a Brazilian small town in the 50s.
At 18, José joined the Brazilian Army. And he created a music group with other soldiers. Once, they went to present in the Municipal Theater, where he watched a theater play for the 1st time. And he loved it.
The next day, José looked for a theater group in his town and joined it.
After leaving the Army, he’d travel around all Brazil with that group for the next 3 years. And then he met almost all the most famous Brazilian actors of that time.

La primera vez cuando José trabajó como actor profesional fue en São Paulo, cuando él tenía 21 años. Y entonces, tuvo el apodo artístico de Marcello Picchi.
La pieza era
Tis Pity She’s a Whore, de John Ford. Y Marcello tenía una escena de denudez total. Fue su primera vez desnudo en público. Y poco después, él estaba en la pieza Alzira Power, de Antônio Abujamra, en que estaba desnudo otra vez. Pero en esa vez, él tenía un monólogo y se quedaba desnudo y solo en el tablado (fue la primera vez en el Teatro Brasileño que un hombre lo hizo).
Mas en esa época había la censura. Y Marcello fue forzado a llevar calzoncillos en algunas ciudades donde la pieza estuvo.
La primera película de su carrera fue
Noites de Iemanjá (1971) y su primera telenovela fue Camomila e Bem-Me-Quer (1972).
Marcello dice que fue a trabajar en la TV solo porqué se pagaba mejor allá. Se pudiera optar, él se quedaria solo en el teatro (y hasta hoy él prefiere trabajar como actor teatral que como actor de TV).
Marcello estuvo también en muchos anuncios publicitarios con la misma intención.

Marcello è stato uno dei principali simboli sessuali di Brasile negli anni 70 e 80. E per questo c’era bisogno d’essere sempre molto, molto bello. Così, lui faceva sempre balletto e capoeira (nonostante fumava di più).
Dopo aver lavorato in molti teleromanzi della Stazione TV Globo, Marcello ha lavorato come attore anche alla Stazione TV Manchete (che oggi non c’è più) ed alla Stazione TV Bandeirantes.
Lui ha avuto fino adesso 39 lavori come attore alla TV ed al Cinema (senza contare i suoi molti e molti lavori come attore teatrale).
Fra i molti personaggi gay che Marcello ha avuto, forse il più conosciuto è Zé Maria, del teleromanzo
Mico Preto (1990).
Nel Giugno del 2000, quasi ai suoi 52 anni, lui era nudo in
G Magazine, come voi potete vedere sopra.
Del matrimonio di Marcello coll’attrice Elizabeth Savalla sono nati 4 figli (fra loro, gli attori Thiago Picchi e Diogo Picchi). E dopo il divorzio, i 4 hanno vissuto colla madre fino ai 15 anni di Thiago, quando lui è andato a vivere con Marcello. Allora, una delle cose che hanno più stimolato Thiago ad essere un attore sono stati i libri di teatro che lui ha scoperto a casa del padre.
Marcello non è mai stato sposato di nuovo. E c’è chi racconta dei pettegolezzi dicendo che lui è bisessuale.
Nel 1998, lui è diventato un buddista.


Até a próxima!

23 Comments:

Anonymous Sérgio said...

Vc tem as fotos do Marcelo Picchi que sairam na G? Se tiver, faça uma gracinha para aqueles que adimiram seu blog vá? Publique-as prá gente!
Abração.

11:59 PM  
Blogger Trintinha said...

Amigoooooooooooo! Deixa eu te matar de inveja? Rsss... Eu tive o prazer de assistir uma peça teatral com ele aqui na minha cidade, onde ele fazia uma cena totalmente pelado, como se fosse um Davi de Michelangelo! Eu pude ver de perto o que a G mostrou! Rssss...
BEijos!
PS - Vai ser gato assim lá longe, hein? Nossa, até coroa o cara tá uma perdição!

12:21 AM  
Anonymous carioca said...

Sérgio→ Você nunca viu essas fotos por aí? Já vi tantos sites e blogs com as fotos da G...
Mas, tudo bem. Vou procurar outras fotos dele.rs
Abração.

Trintinha→ Que sorte a sua , hein! Aliás, parece que ele gosta de ficar pelado no teatro, né?rsrs
E é verdade: o cara já tá quase com 60 anos e ainda tá um tesão!!!
Beijos!

1:58 AM  
Blogger BlueBob said...

Olá Carioca.

Tb tinha uma vontade danada de ver o Marcelo pelado, bendita seja a G!!!!
O cara é um tesão mesmo. Fico feliz se chegar na idade dele com esse corpo!!

Bjs

4:31 PM  
Blogger Mariposo-L said...

Carioca, blz ? tirei o Gringo lindo dos blog's amigos, não fique chateado, mas se "roubaram" de vc , quem roubou não me merece ser amigo. se vc conseguir ele de volta me avise que eu coloco ele denovo.

Um abração
Quanto ao Marcllo Picchi, só acho ele um bom ator ....

5:10 PM  
Blogger Kaka said...

Olá amigo!

Meu... cada homem, hein? Aiai
rsrs

Mandei e-mail sobre aquele assunto!

Beijo!
Desculpa a ausência!

12:08 AM  
Blogger Kaka said...

Este comentário foi removido pelo autor.

12:08 AM  
Blogger Carioca said...

Bluebob→ Ah, isso eu também queria!
Beijos!

Mariposo-L→ Olha, eu tô até pensando em tirar da MINHA lista de blogs também. Apesar de vários posts lá terem sido feitos por mim, acho que a pessoa que tá lá no comando agora não me quer mais como colega, né? Afinal, até cortou o meu acesso ao blog!

Kaká→ Já mandei o e-mail pra você amigo.
Beijo!

3:05 AM  
Anonymous Paulo César said...

Caracas! Não me recordo das fotos dele na G.
Mostra aí!!!!!!
Risos...
Abração.

12:18 PM  
Blogger Moura ao Luar said...

O filho é bem jeitoso sim e o pai tem cá um pauzinho... será que ainda funciona hehe

1:03 PM  
Blogger KAIKE said...

nãoi sabia dele...
legal cara

2:40 PM  
Blogger TresCatorce said...

Hola Carioca, tanto tiempo, aqui yo de nuevo online. Saludos desde Argentina!

11:37 PM  
Blogger Carioca said...

Paulo Cesar→ Vou procurar.
Abração.

Moura ao Luar→ Você acho pequeno?! Bom, funcionou o suficiente pra fazer 4 filhos!

Kaíke→ Bom, espero que você tenha gostado.

Trescatorce→ Mucho tiempo realmente! Pero espero que de aquí para adelante pudiéramos nos hablar más.
Saludos brasileño para tí.

12:15 AM  
Anonymous Anônimo said...

Para quem acha ele o máximo , uma dica é a de que ele frequenta a sauna gay , Projeto SB , em Botafogo no Rio de Janeiro .

1:19 PM  
Anonymous carioca said...

É mesmo???

1:14 AM  
Anonymous Anônimo said...

O ator MARCELO PICCHI foi um cara muito gostoso nos anos 80.
Lindíssimo, um tesão mesmo.
Mas hoje eu prefiro o filho dele,o ator e ex-modelo THIAGO PICCHI...Um gatinho.

4:31 PM  
Blogger paulo said...

Declaro que não autorizei a publicação de fotos que pertencem por contrato à G Magazine.
Nem tampouco esta entrevista absolutamente mentirosa contendo coisas que jamais declarei
Faço saber que vcs estão incorrendo numa ilegalidade passível de uma ação judicial
Peço o obséquio de tirarem imediatamente as fotos e os comentários deste blog
Sem mais
Marcello Picchi

9:52 PM  
Anonymous Anônimo said...

marcelo, eu adoraria chupar esse pauzão gostoso que você tem. queria ele dentro do meu cu. delícia!

5:01 PM  
Anonymous Anônimo said...

QUERO QUE VC GOZE NA MINHA GARGANTA E DEPOIS RASGUE MEU CU COM ESSE PAUZÃO E ENCHE MEU RABO DE PORRA QUENTE. DELICIA, QUE SONHO, A GENTE PODIA MARCAR, EU SEI QUE VOCÊ GOSTA.

9:47 PM  
Anonymous Anônimo said...

QUERO QUE VC ENFIA ATÉ O TALO NO MEU CU. VOU FICAR COM O RABO ABERTO , MAS MUITO FELIZ. QUERO QUE VC ME PEGUE DE 4 COM ESSE MASTRO VERMELHO. ESSES 22CM VAO ME LEVAR NAS NUVENS.

12:45 AM  
Blogger Jandir De Souza said...

Esse cara era gostoso e pauzudo.

4:42 PM  
Blogger Jandir De Souza said...

Esse cara era gostoso e pauzudo.

4:43 PM  
Blogger Jandir De Souza said...

Esse cara era gostoso e pauzudo.

4:43 PM  

Postar um comentário

<< Home